Atitude
Projeto social para crianças do Rio – A Arte Salva

Projeto social para crianças do Rio – A Arte Salva

Projeto ajuda crianças do Jardim Gramacho através da pintura.

O aumento na produção mundial de lixo tem crescido muito e preocupado especialistas pelo alto número de resíduos despejados na natureza. Reciclar é um bom caminho, entretanto, nem todos os locais tem coleta seletiva. E nem todas as pessoas separam os resíduos. Os lixões a céu aberto ainda existem e deles  é retirada a subsistência de muitas famílias e crianças. Com o intuito de modificar a vida desses jovens o Projeto A Arte Salva busca por meio do lúdico, da pintura, levar até eles esperança e possibilidades de mudança social.

Algumas novelas já retrataram a realidade nessas áreas, como o caso de Avenida Brasil em reprise recente na Rede Globo. Um dos núcleos se passavam no antigo maior lixão da América Latina, de Gramacho em Duque de Caxias, no Rio de Janeiro. Nas cenas eram vistas crianças catando lixo para ajudar a família com a venda de plásticos, metais e semelhantes, ou até mesmo na busca por comida e roupas. A ficção mostrando a realidade vivida pelas crianças da comunidade do entorno.

Materiais de pintura espalhados por uma mesa | A arte salva
Imagem: Acervo Projeto A Arte Salva

 

Em julho de 2015 o projeto iniciou formalmente, no entanto, a criação data de 2012 quando a coordenadora Karina Duartte conheceu Brayan. Ela acompanhou o desenvolvimento do menino, morador do Jardim Gramacho, até o dia em que ele e a família ganharam uma casa.  Brayan pintou suas mãos na parte de fora de casa. Ao ser chamado de artista pela nova amiga, pediu mais tintas para criar. Dessa relação lúdica surgiu a ideia de levar para as demais crianças a possibilidade de crescimento pessoal.

Ao todo já foram realizados pelo projeto nove aulas de arte, com aproximadamente 500 telas pintadas, 70 colecionadores e mais de 160 participantes. O apoio às crianças da favela 4 Rodas vai evoluindo, junto da oficina são doados agasalhos, livros, materiais escolares, além da contínua formação de colaboradores para ampliar a linha de troca e apoio às crianças do local.

“É uma luta diária  incentivar as pessoas a se tornarem voluntárias. É essencial que os cidadãos se conscientizem da importância do trabalho voluntário. Muitas pessoas desconhecem outras realidades e problemas. Precisamos de todas as formas de doações.  Vibramos verdadeiramente quando, além do apoio material, também vem a presença física. O sorriso, o abraço fazem toda diferença na vida das nossas crianças. Quem se disponibiliza a participar das nossas ações pela primeira vez, sempre quer voltar. É um amor renovador e transformador”, completa Karina.

Senhora com um cocar pinta o rosto de uma criança | A arte salva
Imagem: Acervo Projeto A Arte Salva

Como fazer parte:

Toda pessoa pode participar entrando em contato pelo e-mail [email protected]. Para ajudar pode-se fazer uma doação de qualquer valor por meio da vakinha online. E adquirindo o Kit Distribuindo Sorrisos que contém um quadro pintado com todo amor pelas crianças + 1 camiseta do projeto. O kit custa R$100,00 Informações pelo e-mail: [email protected].

Diversos artistas apoiam e incentivam o Arte Salva: Mariana Ximenes, Rafael Cardoso, Carla Salle e Hélio de La Peña, Sergio Penna e o Rapper e ativista social Mv Bill.

Inscreva-se na Newsletter do site da Cleo