Atitude

Embaixadora Paralímpica

Cleo entra para o time de embaixadores dos jogos que acontecerão em setembro no Rio

post-cleo-pires-embaixadora-paralimpica

Cleo esteve presente na cerimônia de apresentação dos atletas que participarão dos Jogos Paralímpicos do Rio, no Centro de Treinamento, inaugurado recentemente em São Paulo. Na ocasião foi titulada Embaixadora Paralímpica, junto com Zé Vitor Oliva e Paulinho Vilhena. Já fazem parte do time de embaixadores: Fernanda Lima, Rodrigo Hilbert, Flávio Canto, Gustavo Kuerten, e Nizan Guanaes.

 “Entrei para o time de Embaixadores Paralímpicos do Comitê Paralímpico Brasileiro! Foi com muita alegria e honra que aceitei o convite para carregar a bandeira desses atletas que representam tão bem o nosso país e que conquistam tantas medalhas. Queremos, juntos, transformar a forma como o Brasil enxerga as pessoas com deficiência e o esporte paralímpico.
Acompanhe, torça e vibre com a gente!”

Você sabe o porquê o nome dos jogos mudou de paraolímpicos para paralímpicos? Parece estranho à primeira vista essa troca de nomenclatura, no entanto foi uma orientação do comitê internacional, desde de novembro de 2015, quando foram anunciados os jogos no país, para que o Brasil se adequasse e o nome fosse semelhante aos demais países que já sediaram os jogos, tornando mais fácil o entendimento e a comunicação.

Os Jogos Paralímpicos acontecerão de 7 a 18 de setembro, logo após os Jogos Olímpicos do Rio. O Brasil participou ao todo de dez edições, desde 1972, no entanto chegou ao melhor desempenho da história do país em Jogos Paralímpicos em 2012 na Inglaterra. Com 21 medalhas de ouro, garantiu a sétima posição no quadro geral de medalhas e fez do evento de Londres algo memorável para o esporte brasileiro.

Inscreva-se na Newsletter do site da Cleo