Atitude
Não bastou eu ter dito não, porque se eu disser não… É estupro!

Não bastou eu ter dito não, porque se eu disser não… É estupro!

Agora é a vez dos homens mostrarem indignação e se unirem na campanha

Agora é a vez deles mostrarem indignação e se unirem na campanha #seeudissernnoeestupro da Marie Claire em parceria com o cleopires.com. Lançada no início deste mês, defende a liberdade feminina em todas as suas formas, na busca pelo empoderamento das mulheres. O manifesto publicado afirma:

“Não importa quantas doses você bebeu, com quantos você saiu, o que você estava vestindo – e, principalmente, o que você não estava vestindo. Se disser não, e alguém a forçar, é estupro.”

Cleo topou ser capa da edição de julho da revista completamente nua para levantar o debate sobre liberdade feminina, a partir daí mulheres anônimas e famosas aderiam e fizeram suas fotos, nuas, seminuas, registrando o apoio ao movimento. No entanto, mesmo com a repercussão positiva inúmeros comentários agressivos foram feitos no site da Marie Claire e cleopires.com, tornando a campanha ainda mais importante, reafirmando a existência da agressão contra as mulheres.

Os comentários foram muito chocantes e vamos falar sobre isso, levantar essa discussão, às vezes a gente pensa uma coisa e ouve algo diferente e muda nossa opinião, ressalta Cleo, que afirma ter ficado feliz com os homens que participaram da campanha, eu os conheço, são diferentes entre si. Acredito que ver alguém que representa o teu gênero faz com que você se entenda mais fácil, ou repudie completamente, e reflita sobre o assunto. Não é pra julgar ninguém e sim pra incitar uma transformação porque a gente tá precisando né?

“As pessoas que falam – ah mas posar nua contra estupro não faz sentido, elas não entenderam o recado. Eu não falo pra essas pessoas. Elas estão regredindo o processo que a gente teve pra chegar nessa campanha. Mas é isso, são opiniões, tem gente que fala que se você tá vestida de uma forma muito sexy ou mostrando muito você não se dá o respeito, não concordo! É uma forma de se expressar, é bom você se sentir empoderada ou empoderado com seu corpo. Não é uma falta de respeito. A falta de respeito é das pessoas que entendem como elas querem, julgando, agindo de forma agressiva e traumática, como no caso do estupro, como se por você estar mostrando mais do teu corpo, sendo sexy ou provocante merecesse ser estuprada. É este pensamento que a gente quer acessar e modificar”, Cleo.

Inscreva-se na Newsletter do site da Cleo