Experiências
Potes de plástico + Micro-ondas

Potes de plástico + Micro-ondas

Dra. Janaína Barboza fala obre o aquecimento de plásticos e os danos que isso pode causar a saúde

Os potes de plástico para armazenamento de alimentos são muito práticos e, atualmente, são usados também para aquecer a comida no micro-ondas. E aí, fica o alerta: ao esquentar, o plástico solta substâncias que são nocivas ao ser humano.
Os fundos das embalagens e potes plásticos trazem indicações sobre sua fabricação e possíveis componentes usados.

Geralmente há pequenos números que passam despercebidos, mas revelam se há algo a ser evitado. Se os potes trouxerem os número 3 ou 7 é porque geralmente contêm Bisfenol A ou ftalatos. O primeiro, também identificado como BPA, é substância comum usada na produção de plásticos e que já foi proibida em diversos países, incluindo o Brasil.

Em casa, como potes costumam durar anos, vale dar uma olhada e não usá-los para guardar alimentos. Há diversos estudos que associam o BPA a problemas de saúde, principalmente no que se refere à interferência nos níveis de hormônio do corpo. Já os ftalatos são usados para deixar o plástico mais maleável e são tidos como cancerígenos. As substâncias ainda podem ser usadas pela indústria de vários países, incluindo o Brasil.

Essas substâncias que constituem os plásticos quando aquecidas a temperaturas elevadas e no micro-ondas liberam estas substâncias que são nocivas à saúde, por isso fique atento e tome pequenas medidas no dia a dia que auxiliam :

  • Atente-se para a composição dos potes
  • Nunca esquentar alimentos em recipientes plásticos
  • Cuidado ao lavar
  • Troque por potes de vidro

Dra. Janaína Barboza fala um pouco dessa questão, explica o motivo e o que podemos fazer para não termos problemas futuros devido ao simples ato de esquentar o alimento em potes de plástico. Confere aí.

Inscreva-se na Newsletter do site da Cleo