Atitude
Reverberações

Reverberações

Escola cabo-verdiana inaugura bebedouro para crianças

Dá água doce chegam as boas notícias de 2017, alunos da escola básica de São Francisco (uma das zonas mais áridas e pobres de Cabo Verde) puderam beber água boa, tratada, por meio do projeto Água nas Escolas. Em janeiro de 2016 Cleo esteve na cidade para implantar o projeto piloto de levar água potável a três escolas secundárias: Napoleão Fernandes (Santa Catarina de Santiago) e Alfredo da Cruz Silva em Santa Cruz e o Pólo do EBI do Lavadouro. Utilizando recursos próprios, ela retornou a Cabo Verde para cumprir uma promessa realizada em 2013, quando afirmou que ajudaria o local.

Cabo Verde

A escola São Francisco não havia sido contemplada com a implantação de água potável no início do projeto, devido ao orçamento. No entanto, a realização foi possível por causa da diferença cambial e reajuste orçamentário com o empreiteiro das demais escolas. Foi economizado cerca de 5.000 USD que foram aplicados nesta solução mais barata, mas eficiente para esta escola que tem 250 crianças.

Esta era uma das surpresas para Cleo, afirma Glória Ribeiro, Secretária Executiva. A inauguração deste bebedouro com quatro torneiras, abastecido por um depósito de 2 m3 de capacidade, com filtro de água acoplado e abastecido por caminhão cisterna, enquanto a rede municipal de água não chega até a escola, projeto que será iniciado em breve.

Lindo

Inscreva-se na Newsletter do site da Cleo